Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Estado de São Paulo’

A final da Copa do Brasil 2010 está definida e será uma decisão inedita na história do torneio: Santos X Vitória.

Paulistas e baianos buscarão o título e a tão cobiçada vaga na Copa Libertadores da América de 2011 somente depois da Copa do Mundo, nos dias 28 de julho e 4 de agosto, com os mandos de campo definidos pela CBF nos próximos dias.

Depois de perder o primeiro jogo no estádio Olímpico por 4 a 3 para o Grêmio, o Santos voltou a jogar bem e comprovou o favoritismo, vencendo os gaúchos por 3 a 1 na Vila Belmiro. O Tricolor bem que tentou segurar o ímpeto santista na primeira etapa e poderia até ter aberto o placar. Mas na segunda etapa as coisas se inverteram e logo aos seis minutos, Paulo Henrique Ganso, que não vai à Copa do Mundo, mostrou toda sua habilidade e fez um golaço de fora da área, sem chances de defesa para o bom goleiro Victor. A situação alvinegra melhorou ainda mais quando Robinho fez um gol de craque, com um leve toque na bola que encobriu o arqueiro gremista. O Grêmio ainda descontou nos minutos seguintes com o zagueiro Rafael Marques, em falha do goleiro Felipe. Mas os Meninos da Vila não se apavaroram e Wesley, em grande jogada, selou a classificação santista na decisão. É a primeira vez que o Santos chega a uma decisão de Copa do Brasil.

O outro finalista é o Vitória. A derrota sofrida em Goiânia no primeiro jogo por 1 a 0 não abalou as pretensões do Rubro-Negro baiano, que jogando no Barradão lotado e com a torcida eufórica, não teve trabalho para golear o Atlético-GO por 4 a 0 e carimbar o passaporte para a final da Copa do Brasil. Os gols foram anotados por Júnior (2), Uéliton e Viáfara. Assim como o Santos, o Vitória disputará pela primeira vez uma decisão do torneio nacional.

Caso o Santos vença a competição, o Estado de São Paulo será o maior vencedor da Copa do Brasil, atingindo sete títulos. Até o momento, os paulistas que conquistaram o título foram o Corinthians (três vezes), Palmeiras, Santo André e Paulista. Porém, se o Vitória sagrar-se campeão, será apenas o segundo título da região Nordeste (o único aconteceu em 2008 com o Sport) e o primeiro de um time do estado da Bahia.

Pelo futebol apresentado, o Santos pode ser apontado como campeão antes mesmo de a bola rolar? Ou você acha que o Vitória pode surpreender assim como o Santo André fez na final do Campeonato Paulista? Opine, torcedor!

EM TEMPO: A CBF já divulgou os locais dos jogos da decisão da Copa do Brasil. A primeira partida será na Vila Belmiro, no dia 28 de julho, às 21h50. O jogo de volta acontece no Barradão, em 04 de agosto, às 21h50.

Anúncios

Read Full Post »

“No circo do futebol, o torcedor é o palhaço”.

Li essa frase em algum protesto e ela ilustra bem o tema discutido hoje. Há vários dias uma intensa briga vem acontecendo a respeito da mudança dos horários das partidas de futebol em São Paulo. Tudo começou com uma ferrenha campanha veiculada pela tradicional rádio Jovem Pan. A emissora paulistana se colocou no lugar dos torcedores e peitou duas poderosas: a TV Globo e a Federação Paulista de Futebol.

Como todos sabem a TV Globo monopolizou o futebol brasileiro. E por pagar caro pelo direito de transmissão dos torneios nacionais e internacionais, a emissora manda e desmanda. Seja nos locais e datas dos jogos, ou principalmente nos horários. Tudo para não interferir em sua grade de programação.

Através das acusações da rádio Jovem Pan, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou um projeto de lei que proíbe que as partidas de futebol disputadas na capital, em estádios com capacidade superior a 15 mil torcedores, terminem após às 23h15. Com isso, para que a lei que já foi aprovada em definitivo entre em vigor, será necessário que o prefeito Gilberto Kassab (DEM-SP) sancione ou vete esta lei. Porém, a TV Globo em parceria com a FPF entraram em ação para que o prefeito não assine a norma, pois seria totalmente prejudicial para seus interesses. A discussão se acirra dia após dia e o decreto não deve entrar em vigor.

As explicações da TV Globo dão conta de que os jogos de futebol iniciados entre 21h45 e 22h tem média de público superior aos outros horários. Em contra partida, a rádio Jovem Pan diz que a média de pouco mais de sete mil torcedores enfatizada pelo canal televisivo, é muito pouco se levarmos em conta o número de habitantes da capital e de todo o Estado de São Paulo. De fato, é uma briga sem fim. A Globo tem seus inúmeros anunciantes, suas novelas, telejornais e até o esdrúxulo reality show. Só depois de tudo isso é que o futebol entra em cena. Fora isso, além de mudar o horário de dois jogos por semana (um na quarta-feira e outro no domingo), também muda todo o resto da tabela para encaixar as partidas em seus canais pagos, o SporTV e o PFC.

Para que serve o Estatuto do Torcedor? Ninguém o respeita. Clubes, emissoras de televisão e rádio e até mesmo a própria federação não se preocupam com seu principal consumidor: o torcedor. Para se ter uma ideia, alguns dias atrás li um post muito interessante no blog do jornalista Marcelo Di Lallo (http://espnbrasil.terra.com.br/marcelodilallo). Lá ele relata que apenas nesta edição do Campeonato Paulista, a tabela foi mudada incríveis 99 vezes (esse número já subiu para 112 alterações), sempre a pedidos da Federação, dos clubes, da Polícia Militar e da TV Globo. Para ler esse absurdo basta clicar neste link: http://www.futebolpaulista.com.br/competicao.php?page=8&ano=2010.

A Jovem Pan está fazendo seu papel e representando o torcedor. Por esse motivo, não se pode ver com maus olhos, afinal, os jogos começando em horários absurdos só beneficiam a Globo e prejudicam a grande maioria dos apaixonados pelo futebol. Não existe transporte público eficiente em São Paulo para os torcedores irem embora, a grande parte dessas pessoas trabalha cedo no dia seguinte, entre outros aspectos. Por esse motivo, cada vez mais os torcedores comuns vão se afastando dos estádios, fator que prejudica o espetáculo e, principalmente, os clubes.

O mais justo seria criar um horário tradicional para o futebol. Jogos no meio de semana devem começar 20h30, no máximo 21h. E aos finais de semana, terem início entre 16h e 17h. Seriam horários ideais e beneficiariam a todos. Agora está nas mãos do prefeito. A briga entre Jovem Pan X TV Globo e FPF vai longe. Enquanto isso, vamos acompanhar a rodada de hoje nos estaduais pelo Brasil, com jogos começando às 16h, 17h, 18h30, 19h30, 20h30 e 21h50. Que bagunça, meu Deus!

Mas e você torcedor, o que pensa sobre esse assunto? Você gosta de ir aos jogos do seu clube às 21h50? Ou preferiria e até iria com mais frequência se as partidas começassem mais cedo? Opine!

Read Full Post »