Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Barradão’

Por: Erik Rodrigues

Na Vila Belmiro, Santos e Vitória disputaram a partida de ida da final da Copa do Brasil. O Peixe voltou da parada da Copa do Mundo sem apresentar o excelente futebol do primeiro semestre. Ganhou apenas uma partida e perdeu as outras três pelo Brasileirão. Já o time baiano voltou embalado, apesar de vencer apenas um jogo e empatar três no torneio nacional.

A partida começou com o Santos mostrando o ímpeto ofensivo do primeiro semestre, com Neymar, Ganso, Robinho e André se movimentando muito e confundindo a defesa adversária. Tanto que Schwenck e Anderson Martins levaram cartão amarelo com dez minutos. Aos 12, foi da vez de Ganso acertar a trave em cobrança de falta. Com a pressão aumentando, o gol saiu logo em seguida. Pará avançou pela direita e cruzou na medida para Neymar que, meio de peito e de barriga, empurrou para o fundo da rede. Foi o 11º gol dele na competição, artilheiro isolado.

O Peixe manteve-se no ataque e criou outras ótimas chances para ampliar. Aos 17 minutos, Alex Sandro cruzou e Robinho mandou para fora. Percebendo que seria massacrado se continuasse na defensiva, o Vitória adiantou a marcação no meio campo e conseguiu equilibrar um pouco a partida. O técnico Ricardo Silva teve que trocar Rafael Cruz, lesionado, por Bida. O time baiano conseguiu chegar ao gol santista, mas sem levar muito perigo. Antes do fim da primeira etapa, André ainda perdeu boa oportunidade.

No segundo tempo, o panorama não mudou. Os donos da casa continuaram no ataque, sem dar chances ao rubro-negro. Neymar e Ganso perderam chances claras de gol, praticamente dentro da pequena área. Acuado, o Vitória trocou o experiente Ramon por Renato Cajá, na tentativa de explorar os contra-ataques. Mas a troca não deu certo e o Peixe continuava mandando no jogo. Esse domínio teve resultado aos 28, quando Neymar pedalou dentro da área e foi derrubado por Wallace. Pênalti que o próprio Neymar cobrou, com cavadinha, para defesa tranquila do goleiro Lee. Alguns torcedores passaram a vaiar o atacante quando ele tocava na bola.

O técnico Dorival Junior mexeu no time e tirou Robinho e Ganso, para as entradas de Zé Eduardo e Marquinhos. E alguns torcedores gritaram “burro” para o treinador quando Ganso deixou o campo. Mas Marquinhos mostrou que poderia corresponder e marcou o segundo gol santista, aos 38 minutos, em bela cobrança de falta. Com a vantagem, o Santos passou a administrar o jogo e o Vitória não levou perigo ao gol de Rafael. Fim de jogo e vitória merecida do time da Vila, pois apresentou mais uma vez um futebol ofensivo e ousado, sempre em busca do gol e que dá gosto de ver. Na próxima quarta-feira (04/08), os dois times voltam a se enfrentar no Barradão, em Salvador, e o Peixe pode até perder por um gol de diferença que ficará com o título inédito da Copa do Brasil.

Read Full Post »

A final da Copa do Brasil 2010 está definida e será uma decisão inedita na história do torneio: Santos X Vitória.

Paulistas e baianos buscarão o título e a tão cobiçada vaga na Copa Libertadores da América de 2011 somente depois da Copa do Mundo, nos dias 28 de julho e 4 de agosto, com os mandos de campo definidos pela CBF nos próximos dias.

Depois de perder o primeiro jogo no estádio Olímpico por 4 a 3 para o Grêmio, o Santos voltou a jogar bem e comprovou o favoritismo, vencendo os gaúchos por 3 a 1 na Vila Belmiro. O Tricolor bem que tentou segurar o ímpeto santista na primeira etapa e poderia até ter aberto o placar. Mas na segunda etapa as coisas se inverteram e logo aos seis minutos, Paulo Henrique Ganso, que não vai à Copa do Mundo, mostrou toda sua habilidade e fez um golaço de fora da área, sem chances de defesa para o bom goleiro Victor. A situação alvinegra melhorou ainda mais quando Robinho fez um gol de craque, com um leve toque na bola que encobriu o arqueiro gremista. O Grêmio ainda descontou nos minutos seguintes com o zagueiro Rafael Marques, em falha do goleiro Felipe. Mas os Meninos da Vila não se apavaroram e Wesley, em grande jogada, selou a classificação santista na decisão. É a primeira vez que o Santos chega a uma decisão de Copa do Brasil.

O outro finalista é o Vitória. A derrota sofrida em Goiânia no primeiro jogo por 1 a 0 não abalou as pretensões do Rubro-Negro baiano, que jogando no Barradão lotado e com a torcida eufórica, não teve trabalho para golear o Atlético-GO por 4 a 0 e carimbar o passaporte para a final da Copa do Brasil. Os gols foram anotados por Júnior (2), Uéliton e Viáfara. Assim como o Santos, o Vitória disputará pela primeira vez uma decisão do torneio nacional.

Caso o Santos vença a competição, o Estado de São Paulo será o maior vencedor da Copa do Brasil, atingindo sete títulos. Até o momento, os paulistas que conquistaram o título foram o Corinthians (três vezes), Palmeiras, Santo André e Paulista. Porém, se o Vitória sagrar-se campeão, será apenas o segundo título da região Nordeste (o único aconteceu em 2008 com o Sport) e o primeiro de um time do estado da Bahia.

Pelo futebol apresentado, o Santos pode ser apontado como campeão antes mesmo de a bola rolar? Ou você acha que o Vitória pode surpreender assim como o Santo André fez na final do Campeonato Paulista? Opine, torcedor!

EM TEMPO: A CBF já divulgou os locais dos jogos da decisão da Copa do Brasil. A primeira partida será na Vila Belmiro, no dia 28 de julho, às 21h50. O jogo de volta acontece no Barradão, em 04 de agosto, às 21h50.

Read Full Post »

Os campeonatos estaduais estão pegando fogo. As decisões em grande parte do país começaram neste final de semana e terminarão no próximo domingo. Santos (leia a análise do jogo no próximo post), Grêmio, Atlético-MG, Atlético-GO, Avaí, Vitória e Fortaleza saíram na frente nas disputas regionais. Porém, o único vencedor concreto foi o ABC de Natal, que conquistou o título potiguar.

No Campeonato Gaúcho, o Grêmio encarou o estádio Beira-Rio com 40 mil torcedores e não tomou conhecimento do rival Internacional. Com uma vitória por 2 a 0, o Tricolor deu um enorme passo para mais um título gaúcho e também para quebrar uma sequência de dois títulos do Colorado nos últimos anos. Os gols da partida foram anotados por ex-são paulinos. O zagueiro Rodrigo marcou de cabeça aos 22 minutos e, vinte minutos mais tarde, foi a vez de Borges testar para o fundo da rede. O jogo de volta da decisão do Gauchão-10 acontece no próximo domingo no estádio Olímpico. O Grêmio pode conquistar seu 36º título estadual.

Nas Minas Gerais o Atlético-MG está muito próximo do troféu do Campeonato Mineiro de 2010. Jogando fora de casa, em Ipatinga, contra o rival local, o Galo saiu perdendo e conseguiu virar o jogo para 3 a 2, vitória essa que aumentou a vantagem já existente. Na próxima semana, no Mineirão, a equipe pode perder por até um gol de diferença que ainda assim levantará o 40º título mineiro. O Ipatinga marcou com Joabe e Luizinho. O Atlético-MG virou através dos gols de Diego Tardelli e Muriqui (2 vezes).

Pelo Campeonato Goiano, o Atlético-GO praticamente encerrou a competição no primeiro jogo da série decisiva. A equipe comandada por Geninho não tomou conhecimento do Santa Helena e aplicou uma goleada de 4 a 0, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. Os gols marcados por Juninho, Evandro (gol contra), Elias e Marcão colocam o time a um passo de seu 11º título goiano. A partida de volta está marcada para o próximo domingo no estádio Pedro Romualdo Cabral, casa do Santa Helena.

O Avaí está com uma mão e meia no troféu do Campeonato Catarinense. Jogando fora de casa contra o Joinville, o Leão venceu por 3 a 1 e poderá perder por até dois gols de diferença o jogo de volta, na Ressacada, que ainda assim conquistará o 15º título estadual de sua história. Os gols da partida foram marcados por Davi, Rudnei e Roberto (para o Avaí) e Ricardinho descontou para o Joinville.

Na Bahia de todos os santos, o Vitória saiu na frente do rival Bahia em busca do título do Campeonato Baiano de 2010. Jogando fora de casa, no Estádio Pituaçu, o Rubro-Negro venceu por 1 a 0 (gol de Júnior) e se aproximou do tetracampeonato baiano. No jogo da volta, no Barradão, o Vitória pode perder por até um gol de diferença para comemorar o título.

Ainda no Nordeste brasileiro,  o Fortalelza venceu o Ceará por 1 a 0 no jogo de ida da decisão do Campeonato Cearense de 2010 e jogará a segunda partida com a vantagem de poder empatar para conquistar o título. Com um regulamento um pouco diferente do que o usual, a competição estadual não dá vantagem para gols marcados, portanto, se o Ceará vencer o jogo por qualquer placar na volta, a decisão irá para os pênaltis. O gol do Fortaleza foi marcado por Paulo Isidoro.

A única torcida do Brasil que comemorou uma conquista neste domingo foi a do ABC de Natal. Mesmo perdendo o jogo por 2 a 1 para o Corinthians-RN, o ABC sagrou-se campeão potiguar por ter vencido o primeiro confronto por 5 a 1. O time do Rio Grande do Norte é o maior vencedor de competições estaduais do Brasil, agora com 51 conquistas.

Read Full Post »

O Santos continua impossível. A vítima da vez foi o Guarani em jogo válido pelas oitavas-de-final da Copa do Brasil 2010. O alvinegro goleou por 8 a 1 com show de Neymar, que anotou cinco gols. Com o time titular em campo, o Santos não deu chances para o adversário e praticamente assegurou a vaga na próxima fase da competição.

No dia em que o Santos comemorou 98 anos de vida, os ‘Meninos da Vila’ deram o presente para a torcida com muitos gols e belas jogadas. Além do show à parte de Neymar, Robinho marcou dois e o atacante Marcel fez um. Para variar, o destaque do jogo foi o meia Paulo Henrique Ganso, com preciosos passes, muita habilidade e uma visão de jogo fora do comum. Que lucidez! Em tempos que se discute a falta de criação da Seleção Brasileira às vésperas da Copa do Mundo, Dunga deveria olhar com mais carinho para duas jóias raras da Vila Belmiro: Neymar e Ganso. Ambos se mostram preparados e merecem a convocação.

Se o Santos já era favorito para o jogo do próximo domingo contra o São Paulo pelo Campeonato Paulista, depois de mais uma apresentação de gala, o favoritismo cresceu e a confiança dos jovens aumentaram. O São Paulo que se cuide. O Peixe aos poucos deixa o status de um time com grandes promessas do futebol e começa a se tornar uma realidade. Como é bonito ver uma equipe jogando um futebol envolvente, alegre, leve e autoritário dentro de campo.

Nota: O atacante Neymar recebeu sondagem oficial do Real Madrid hoje. Dirigentes espanhóis conversaram com o presidente Luís Alvaro de Oliveira, que garantiu nem pensar na hipótese de vender o garoto. Na Espanha, os jornais já noticiam a possível ida de Neymar à Europa e o chamam de ‘novo Messi’. Vale lembrar que a multa rescisória do atacante é de € 30 milhões, algo em torno de R$71 milhões.

Outros resultados das partidas de ida das oitavas de final da Copa do Brasil:

Portuguesa 0 X 1 Fluminense (gol de Fred)
Corinthians-PR 0 X 1 Vasco (gol de Léo Gago)
Santa Cruz 1 X 2 Atlético-GO (gol de Gilberto Matuto para o time pernambucano e dois gols de Robston para o goiano)
Atlético-MG 1 X 0 Sport (gol de Fabiano)
Grêmio 3 X 1 Avaí (dois gols de Jonas e um de Borges para a equipe gaúcha. Robinho descontou para os catarinenses)

Nesta quinta-feira acontecem os outros dois confrontos:
Palmeiras X Atlético-PR (Palestra Itália)
Vitória X Goiás (Barradão)

Read Full Post »

Victor Simões disputa bola com Léo (3) e Fabiano Eller

O técnico Ney Franco abandonou de vez o esquema 3-5-2 e mandou a equipe para o campo no 4-4-2, seu estilo preferido. Mas a mudança demorou para surtir efeito. O Glorioso precisou de todo o primeiro tempo e mais da metade da segunda etapa para conseguir os gols. Batista, aos 36 e Laio, aos 41, fizeram os gols que deram a primeira vitória ao Botafogo no Campeonato Brasileiro. Além disso, a vitória da equipe carioca acabou com a invencibilidade do Santos na competição.

O Botafogo não fez um grande jogo, mas a mudança de postura tática rendeu uma boa marcação no meio campo e muitas chances desperdiçadas, principalmente no primeiro tempo. A primeira chance de gol real saiu dos pés do atacante Tony. Após passe de Lúcio Flávio, Tony chutou forte, mas a bola foi para fora. Aos 25, foi a vez de Victor Simões girar, bater forte na bola e levar perigo ao gol santista. Fahel teve a melhor chance do Botafogo para abrir o placar. O volante recebeu passe dentro da área e tocou de cobertura na saída de Fábio Costa, mas Fabiano Eller tirou em cima da linha e evitou o gol. Mesmo com mais posse bola, o Glorioso não conseguiu abrir o placar e o primeiro tempo terminou.

Na segunda etapa o Santos tentou equilibrar o jogo e Vagner Mancini colocou Neymar no lugar do Molina. E realmente o Santos melhorou um pouco, mais nada que assustasse o Botafogo. Ney Franco, por sua vez, tirou Tony e colocou Laio, mostrando que confiava na primeira vitória. E realmente deu certo. Demorou, mas os gols saíram. Aos 36, Thiaguinho rolou a bola para o meia Batista, que bateu forte e ainda contou com desvio na zaga santista para abrir o marcador. O gol animou a equipe carioca, que continuou partindo para cima do Santos. E aos 41 saiu o gol que definiu a partida. O zagueiro Fabão tentou cortar a bola na intermediária e errou. A bola foi para trás e deixou Laio no mano a mano com o goleiro Fábio Costa. Esperto, Laio driblou o goleiro e fez o segundo gol.

Mesmo com o resultado positivo dentro de casa, o Botafogo não fez grande partida e precisa melhorar para continuar ascendendo na competição. Com 53% de posse de bola, o Glorioso finalizou sete vezes durante o jogo contra uma do Santos, mostrando a diferença entre as duas equipes no jogo. O técnico Vagner Mancini terá muito trabalho para arrumar a defesa de sua equipe. O grande problema do Santos é no setor defensivo, que em seis jogos tomou 11 gols, quase dois por partida.

Com a vitória, o Botafogo chegou aos seis pontos e está na 15ª colocação. O Santos parou nos nove pontos e continua na 4ª posição, pelo menos até amanha, quando haverá o complemento da rodada. No próximo sábado, o Glorioso viaja até a Bahia e enfrentará o Vitória, no Barradão, pela 7ª rodada do Brasileirão. O Santos jogará na Vila Belmiro contra o Atlético-MG, no próximo domingo.

Nota: Publicada também no site FutNet.

Read Full Post »

– Adriano Gabiru é um caso a parte na história do Internacional. Mesmo tendo feito o gol mais importante nos 100 anos colorados na final do Mundial de Clubes contra o Barcelona, em dezembro de 2006, o meia não era unanimidade entre a torcida e a diretoria do Inter. Após rodar em alguns clubes, Gabiru está de volta. E pasmem. O jogador é o principal reforço do Guarani para a disputa do Campeonato Brasileiro da série B, onde o Bugre já é líder com três vitórias em três jogos.

– O lateral esquerdo Leandro foi bem no Palmeiras no ano passado e mesmo assim, foi negociado com o Fluminense. Sem boas atuações nas Laranjeiras, o jogador está de clube novo. Depois de atuar entre 1999 e 2002 no Vitória, Leandro acertou seu retorno ao Barradão até o final do ano. O atleta foi apresentado nesta terça-feira e informou que ainda precisa de pelo menos quinze dias para ficar a disposição do técnico Paulo César Carpegiani.

– Depois da precoce eliminação na Taça Libertadores da América, o treinador Carlos Ischia foi demitido pela diretoria do Boca Juniors na tarde desta terça-feira. Em situação delicada, na 17ª posição no Campeonato Argentino, o provável substituto de Ischia no comando da equipe é o velho conhecido e vitorioso Carlos Bianchi.

– Por muito pouco o zagueiro Fabiano Eller não foi parar no São Paulo na semana passada. O atleta até deixou o treinamento a pedido do técnico Vagner Mancini para negociar com o Tricolor. Mas a negociação não evoluiu e Eller foi reintegrado ao elenco santista. A diretoria do Santos informou que está perto de renovar o contrato do jogador em mais um ano e meio. O zagueiro estará à disposição para o clássico contra o Corinthians, no próximo domingo, na Vila Belmiro.

– O Brasiliense anunciou a contratação do atacante Abuda para a sequência da do Campeonato Brasileiro da série B. Com 23 anos, Abuda foi revelado pelo Corinthians e mesmo jovem, já atuou por diversas equipes como Wolfsburg-ALE, Vasco, Paraná, Avaí e por último no Marília.

– Aos 34 anos e com uma maravilhosa história no Lyon, da França, o meia Juninho Pernambucano anunciou hoje o fim de um romance que rendeu sete títulos nacionais, três Supercopas da França e uma Copa da França ao clube. Eternizado pela torcida, Juninho deixa o Lyon como maior ídolo do clube e agora será disputado por diversas equipes. Com a notícia, clubes brasileiros como Vasco e São Paulo já demonstraram publicamente a intenção de repatriar o atleta. Nas próximas semanas o futuro de Juninho deverá ser conhecido por todos.

– O atacante Ronaldo foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva na tarde desta terça-feira, por ter puxado o cabelo do botafoguense Fahel, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, no último dia 17. Mesmo sem ter sido expulso pelo árbitro, o STJD usou o recurso da televisão e suspendeu o Fenômeno por um jogo, enquadrando-o no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por ato desleal. Ronaldo deverá cumprir a punição na próxima partida contra o Santos, no domingo. Como está lesionado, o atacante não jogaria mesmo e, portanto, não acarretará maiores danos ao técnico Mano Menezes.

– A torcida palmeirense está confiante em sua equipe. O Palestra Itália deve estar lotado na importante partida da próxima quinta-feira contra o Nacional-URU, pelas quartas-de-final da Taça Libertadores da América. A diretoria do Verdão anunciou que 20 mil ingressos já foram vendidos de forma antecipada e dessa forma, o torcedor que ainda não garantiu sua entrada deve correr.

Read Full Post »

O ano de 2009 tinha tudo para ser o mais melancólico da história do Vasco. O clube carioca fez uma campanha pífia no Campeonato Brasileiro de 2008 e foi rebaixado para a série B. Inspirado no Corinthians, o Vasco não se abateu com a queda e continua provando ser um dos clubes mais tradicionais do Brasil. Atuando no Barradão, em Salvador, o Time da Colina empatou em 1X1 com o Vitória e está classificado para as semifinais da Copa do Brasil 2009, já que havia vencido o primeiro confronto no Rio de Janeiro por 4X0.

O Vitória bem que tentou surpreender e parecia que conseguiria a façanha de ganhar por cinco gols de diferença. Logo no primeiro minuto do jogo, o atacante Neto Baiano encheu o pé de fora da área e contou com a falha do goleiro Fernando Prass para abrir o placar e dar esperanças à torcida rubro-negra. Mas a alegria dos baianos durou pouco, muito pouco. Aos quatro minutos o Vasco jogou um balde de água fria nas pretensões do Vitória e fez o gol da classificação com o atacante Elton. Com a vaga nas semifinais assegurada, na próxima fase o Vasco enfrentará o Corinthians em busca do inédito título da Copa do Brasil.

Read Full Post »

Older Posts »